SINDICATO DOS
ENGENHEIROS AGRÔNOMOS
DE SANTA CATARINA

Santa Catarina

FISENGE se posiciona contra o aumento da anuidade e taxas do CREA para 2023

 

O Plenário do Confea aprovou em 30/09/2022 a Deliberação nº279/2022 do Colégio de Presidentes que aumentou os valores de serviços, multas e anuidades em 8,83%.

A Fisenge considera absurda a proposta aprovada, visto que o aumento vem em momento de amplo desemprego na área da engenharia, da informalidade e do congelamento do salário mínimo profissional.

Lembramos que o sistema Confea/Crea/Mútua é superavitário e possui mecanismos para cobrir possíveis perdas nas receitas dos Conselhos advindas de tal congelamento, sem que o ônus seja levado, apenas, para o profissional.

É inaceitável que a anuidade, ART´s e serviços sofram reajuste sem um amplo debate com a categoria e sem a proposição de medidas que enxugue os custos do sistema, medida que traria uma maior confiança para todos os profissionais quanto ao bom uso dos valores pagos.

Desta forma, a Fisenge se junta a diversas outras entidades de todo o país e pede que o Confea reconsidere o aumento ora aprovado em resposta aos anseios de todas as categorias da engenharia, agronomia e geociências.

Profissional, faça sua parte: Consulte o seu Crea, através da ouvidoria, sobre qual foi o posicionamento do Presidente e do Conselheiro Federal do seu estado quanto ao referido aumento e exija que o aumento seja revisto. Manifeste sua opinião e vamos virar esse jogo!

 

Outras Notícias