SINDICATO DOS
ENGENHEIROS AGRÔNOMOS
DE SANTA CATARINA

Santa Catarina

O SEAGRO-SC

CONSTITUIÇÃO

O Sindicato dos Engenheiros Agrônomos de Santa Catarina - SEAGRO-SC, com base territorial no estado de Santa Catarina, sede e foro na cidade de Florianópolis e 22 diretorias regionais. É constituído para fins de representação e defesa dos interesses econômicos, trabalhistas e profissionais dos engenheiros Agrônomos, na base territorial do estado de Santa Catarina, conforme estabelece a legislação em vigor sobre a matéria, e com o intuito de colaborar no constante aprimoramento das relações de trabalho entre empregado e o empregador, bem como promover gestões para a abertura e consolidação do mercado de trabalho para o exercício da profissão, como profissional liberal autônomo.

COMPROMISSO

Enquanto entidade sindical, classista, autônoma e independente, o Sindicato dos Engenheiros Agrônomos de Santa Catarina – SEAGRO-SC - tem como princípio fundamental a representação e defesa dos direitos e interesses individuais e coletivos dos engenheiros agrônomos, sua valorização profissional e o fortalecimento da agropecuária catarinense num contexto de desenvolvimento sustentável.

OBJETIVO, COMPETÊNCIA E DEVERES

O SEAGRO-SC realiza suas atividades de forma independente, procurando desenvolver, organizar e atuar em ações que visam à conquista de melhores condições de vida e de trabalho para o conjunto da categoria representada. Procura promover a solidariedade entre os engenheiros agrônomos, em parceria com as demais entidades da categoria, entre elas a Feagro, Uneagro, Crea-SC, além de entidades regionais e nacionais, desenvolvendo e fortalecendo a consciência de categoria e a formação profissional, assim como colaborar com a produção, desenvolvimento econômico e sustentabilidade ambiental, visando a melhoria da qualidade de vida em benefício da sociedade catarinense.

ABRANGÊNCIA ESTADUAL

Fundado em 29 de abril de 1983, tendo como base territorial o estado de Santa Catarina, o SEAGRO-SC possui uma sede própria em Florianópolis, contando com 22 diretorias regionais localizadas nos pólos de maior expressão sócio-econômica do estado, congregando atualmente mais de 1.600 profissionais associados. Estas diretorias regionais estão localizadas nos municípios de Araranguá, Blumenau, Caçador, Campos Novos, Canoinhas, Chapecó, Concórdia, Criciúma, Curitibanos, Florianópolis, Itajaí, Jaraguá do Sul, Joaçaba, Joinville, Lages, Mafra, Rio do Sul, São Joaquim, São Miguel do Oeste, Tubarão, Videira e Xanxerê. É filiado à Federação Interestadual de Sindicatos de Engenheiros – FISENGE, entidade sindical de segundo grau, com sede no Rio de Janeiro, através da qual o SEAGRO-SC amplia o debate e sua atuação para a esfera nacional, participando assim da discussão de grandes temas nos mais diferentes segmentos que permeiam tanto o espaço rural como urbano, sempre na busca de um país mais desenvolvido e mais justo.

32 ANOS DE LUTAS E CONQUISTAS

No momento em que uma nova Diretoria inicia seu mandato, o Seagro busca na história de 32 anos de lutas e conquistas o referencial para dar sequencia ao trabalho desenvolvido nas últimas gestões, visando enfrentar e superar os novos desafios. O Sindicato, em seus 32 anos de existência, baseado em seus compromissos primordiais de representação, defesa, luta e garantia das conquistas da categoria, têm buscado desenvolver ações visando à preservação, ampliação e consolidação do mercado de trabalho dos engenheiros agrônomos.

INÚMERAS CONQUISTAS

Na negociação dos acordos coletivos das empresas públicas, ficou ainda mais fortalecida a posição firme e independente do SEAGRO-SC, com forte liderança entre os diversos sindicatos com base na agricultura. Convém lembrar que, além das negociações com a Epagri, Cidasc e Crea-SC, nosso sindicato também representa a categoria nas negociações com todas as cooperativas e agroindústrias, sendo por isso um dos sindicatos de destaque nacional na área da engenharia.  Destaca-se também a  constante busca do cumprimento do salário mínimo profissional (SMP) previsto pela Lei 4.950-A/66, sendo Santa Catarina o estado com maior percentual de empresas públicas e privadas que cumprem este piso. Ainda com relação a remuneração, o SEAGRO-SC é um dos pouco sindicatos do Brasil com Tabela de Honorários exclusiva para engenheiros agrônomos.